Bairros de Buenos Aires: Centro CABA

Roseane Mendes


Neste post quero falar para vocês sobre o centro de Buenos Aires e as vantagens de se hospedar nele.
Eu me hospedei no Centro a poucos metros do Obelisco. Está hospedada no centro me deu a vantagem de visitar alguns pontos turísticos a pé, como por exemplo: 


La Plaza de Mayo

La Plaza de Mayo é onde acontece as celebrações e protestos portenhos. Ela recebeu esse nome em homenagem a revolução de 25 de maio de 1810 quando a Argentina conquistou a sua independência. Inclusive em dos dias que fui visitar a praça teve um protesto das mães e parentes dos tripulantes do submarino desaparecido no dia 17 de novembro de 2017. Eles exigiam que as autoridades responsáveis pelo procura do submarino continuasse as buscas para poderem enterrar seus entes queridos. Caso queiram saber um pouco mais sobre esse fato deixo o link da Uol aqui. Também é aqui que se manifestam as mães dos "desaparecidos" da ditadura militar argentina. Todas as quintas-feiras as 15:30 elas fazem uma chamada com os nomes dos desaparecidos para que nunca sejam esquecidos, e com as esperança que o estado um dia assuma a responsabilidade pelos "desaparecimentos". Por falar em política, esse é assunto preferido de boa parte dos argentinos e muitos deles demonstram interesse não só pela política do seu país como de toda a América Latina. 


Na Plaza de Mayo se encontra a Casa Rosada que é a sede da Presidência argentina. É um prédio de arquitetura de encher os olhos. Aliás riquezas arquitetônicas é o que não falta em Buenos Aires. 

Nesta mesma praça está o Cabildo, sede da administração colonial. Nele se encontra o museu histórico Nacional. 

A poucos metros da Casa Rosada e o Cabildo encontramos a Catedral Metropolitana. Atualmente é também um museu de honra ao Papa Francisco, porque desde 1998 até a sua consagração como Sumo Pontífice em 19 de março de 2013, Jorge Bergoglio (nome do Papa Francisco) era Arcebispo de Buenos Aires e o encarregado de consuzir a Arquidiocese.

Para encerrar os principais pontos da Plaza de Mayo temos o Palácio Nacional nele se encontra o assento do poder executivo da cidade de Buenos Aires. 

Obelisco

O Obelisco é um monumento erguido em comemoração ao centenário da cidade. Está localizado entre a avenida 9 de julio e Corriente. Embora parece muito com o obelisco da Praça Sete de Belo Horizonte, também conhecido como Pirulito, posso afirmar que bem maior e mais imponente. 

Calle Florida

Não é bem um ponto turístico, mas é onde você encontra várias casas de cambio. Está perto dela é uma vantagem. Nela também está alguns comércios e lojas de roupas de couro. Mas, Buenos Aires não está para compras. Farei um outro post para falar deste tema.

Feria de San Telmo - Calle defenser

A Feria de San Telmo é uma feira de antiguidades localizada na Calle Defenser, porém não tem só antiguidades não. A princípio era disso que se tratava porém outros feirantes começaram a expor na mesma calle Defenser fazendo com que esta feira tenha uma grande extensão e variedade. A minha dica de compras é: se for comprar lembrancinhas, compre nesta feira. Em outro lugares é absurdamente mais caro. Não comprei todas as lembrancinhas que desejava no dia que visitei a feira e me arrependi muito. Ela só acontece aos domingos das 10 hrs as 17 hrs. 

É na calle Defenser que está o monumento da Mafalda, mas no dia da feira tem uma fila considerável para tirar fotos. Como o hotel que estava era perto deixei para ir na segunda por volta das 8 hrs da manhã. Resultado: Ninguém além de mim e minha amiga para tirar fotos. 




Café Tortoni

O Café Tortoni é uma cafeteria que se tornou ponto turístico graças a sua decoração antiga e seu clima totalmente vintage. Mas, prepare seu espírito porque tem fila de espera por uma mesa.



El Ateneo

El Ateneo é uma das mais famosas livrarias de Buenos Aires. Ela é imensa e tem uma arquitetura linda tanto por fora quanto por dentro. Se pretende comprar alguma coisa saiba que tem fila, apesar de ter muitos caixas. Essa livraria é muito badalada.



Galerías Pacíficos

É shopping que vale a pena visitar pelo seu visual, mas é só. Porque mais uma vez: compras em Buenos Aires não valem a pena.

Portanto, essas são todas vantagens de se hospedar bem no Centro todos esse pontos turísticos feito a pé. Já falei em outro port, mas vou relembrar aqui que o hotel que me hospedei foi o Two Hotel. Tem post falando dele aqui. 

Comentários