quarta-feira, 19 de julho de 2017

Adapte o seu guarda roupa

Roseane Mendes


Continuando a nossa saga pela busca do estilo, vamos falar sobre o nosso guarda roupa. Como está o seu armário neste momento? O meu está entulhado de roupas, as quais a maioria eu não tenho usado e outras tantas são surradas ou bem mais ou menos. Aí que está nosso erro. Esse tipo de guarda roupa mina qualquer futura produção. Vou explicar o porquê.



Para facilitar a nossa construção de looks o nosso guarda roupas só deve ter peças incríveis. Peças que realmente amamos. Porque se você tem cinco peças que você adora é muito mais fácil compor seu visual, do que se você tem cinquenta das quais a maioria não tem nada de interessante. Imagina você acordando cedo e se deparando com aquele emaranhado de roupas. Fica quase impossível fazer uma boa escolha. Organize seu guarda roupa. Desfaça de todas as peças que não te valoriza. Nada de mantê-las pensando: Essa é para ficar em casa. Menina desapega!!!! Uma mulher estilosa é também prática. Close lotado é coisa de blogueira de moda. Mulheres reais tem os dias corridos e precisam de praticidade. 

  • Livre-se daquilo que não te cai bem. Não importa se você ganhou ou pagou caro. Quer ser estilosa? Seja prática. 
  • Compra peças que são o seu número. Nada de comprar porque estava na promoção, embora não seja exatamente seu número. Isso é jogar dinheiro fora. Nada de manter peças na esperança de que você vai emagrecer e conseguir entrar nela. Sai dessa vida. Emagreceu, e a peça ficou larga? Veja se é possível ajustá-la de maneira que permaneça o bom caimento. Se não... Desapega!
  • Nada de ceder a sedução da palavra "liquidação". Só compre se for algo atemporal, de boa qualidade e que seja seu número exato.
  • Sabemos que existem peças chaves e diquinhas que garantem uma boa produção. Mas, não se restrinja a esse terreno seguro. Saia da zona de conforto. Se arrisque. Pode ser que de vez em quando você vá errar. Mas, sem testar não tem acertos.
  • Só siga tendência de moda se você se identifica e consegue se ver usando mesmo quando não for mais tendência. 
  • Não tenha medo dessa adaptação. O ganho é certo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Fale conosco